No seu aspeto social, este projeto procura o desenvolvimento agrícola pela viticultura. Ele se divide em dois: a implantação de um vinhedo próprio e a implementação de pequenas videiras oriundas da agricultura familiar da região.

O vinhedo próprio tem por objetivo garantir as áreas de produção e servir de modelo e laboratório para o cultivo das uvas. Esse vinhedo procura atender os requisitos do Comercio Justo, promovendo o encontro de produtores responsáveis com consumidores éticos.

Referente à agricultura familiar, a Vinhetica procura formar, orientar e acompanhar os pequenos produtores, no objetivo de garantir a qualidade e transferência de tecnologias alem de proporcionar uma nova fonte de renda aos agricultores pela diversificação das culturas.

Contratos de longo prazo garantem uma verdadeira parceria, onde o compromisso com a qualidade é assumido por todos os atores do projeto.